domingo, 24 de julho de 2011

Passeio pelo Centro Historico de Manaus - 23/07/11

CENTRO HISTÓRICO DE MANAUS

Acordamos cedo no dia 22/07/11 para conhecer alguns pontos turísticos do centro de Manaus, tomamos café da manhã e seguimos para o centro histórico de Manaus para  o nosso primeiro destino.

MUSEU DO ÍNDIO

O Museu do Índio se localiza no segundo andar de um prédio na Rua Duque de Caxias, 296 - Centro, o valor da entrada é de R$ 5,00 e o horário de funcionamento é de segunda a sexta de 08:00 as 11:30 e 14:00 as 16:30 e nos sábados de 08:30 as 11:30, o museu é dividido em salas com tema especifico como por exemplo sala de rituais, sala de armas, sala de cerâmicas e outras, também dispõe de uma loja que vende objetos indígenas.     

O museu é simples mas muito educativo para quem quer aprender um pouco mais da cultura indígena. 




TEATRO AMAZONAS

Muitas pessoas de Manaus nunca entraram no Teatro Amazonas símbolo da cidade, e com certeza o ponto turístico que mais orgulha os manauaras, o teatro foi inaugurado em 31 de dezembro de 1896 no governo de Eduardo Ribeiro e se localiza no Largo de São Sebastião no centro de Manaus, as visitas acontecem de segunda a sexta de 08:00 as 12:00 e 14:00 as 17:00 e nos sábados de 08:00 as 17:00 pelo valor de R$ 10,00 (inteira) ou 5,00 (estudante).

A visita é ótima e a todo  momento tem atores do Grupo de Teatro Metamorfose interpretando personagens da época como Barões, Baronesas e o Governador Eduardo Ribeiro os personagens vão dando explicações de datas, significado de pinturas e dos tipos de materiais que foram usados na construção, os primeiros locais que visitamos são o salão de espetáculos e os camarotes.      

Me desculpem pelas fotos pois dentro do teatro não podemos tirar fotos com flash e nossa maquina não é uma das melhores.




Depois fomos guiados a um lugar exclusivo do teatro onde temos que utilizar pantufas nos pés para poder caminhar nesse local que é chamado de Salão Nobre do Teatro, outro local muito lindo.     



IGREJA DE SÃO SEBASTIÃO E MONUMENTO ABERTURA DOS PORTOS

Após a visita do teatro fomos tirar fotos da Igreja e do Monumento que também ficam no Largo de São Sebastião.   




PALACETE PROVINCIAL

Do Largo de São Sebastião seguimos a pé para o Palacete Provincial que se localiza na Praça Heliodoro Balbi, s/n - Centro, o Palacete possui vários museus entre eles estão os Museus de antes e depois da reforma do Palacete, Museu de Numismática, Museu de Arqueologia, Museu de Maquinas Fotográficas, Museu de Armas  entre outros e tudo isso com entrada franca, isso mesmo não paga nada para visitar todas essas exposições, infelizmente é proibido tirar fotos dentro das salas de exposições, só é permitido tirar fotos nos corredores. 



Apos a visita ao Palacete descansamos um pouco na Praça Heliodoro Balbi e seguimos a pé para a Praça Terreiro Aranha para ver artesanatos e almoçamos.



A praça possui varias barracas que vedem artesanatos locais como mascaras indígenas, desenhos em remos, piranhas empalhadas e outros.



MUSEU CASA EDUARDO RIBEIRO       

Logo após o almoço na Praça Terreiro Aranha seguimos a pé para o Museu Casa Eduardo Ribeiro que fica na Rua José Clemente, 322 – Centro e a entrada é franca, o museu obviamente conta a historia e mostra objetos pessoais de um dos principais governadores do estado do Amazonas.

Eduador Ribeiro é natural do Maranhão e foi o primeiro governador negro do estado do Amazonas, era conhecido pelo apelido de pensador, em decorrência de ter participado ativamente dos movimentos republicanos e ter editado o jornal O Pensador no Maranhão, e entre suas principais obras como Governador estão a retomada da construção do Teatro Amazonas, o Reservatório do Mocó, a Ponte de Ferro da 7 de Setembro, o Palácio de Justiça e inúmeras outras obras, transformando Manaus na conhecida Paris dos Trópicos.  






Para fecharmos o dia pegamos o carro e fomos para uma sorveteria, pois o dia estava muito quente. 


Resumo 

Escuto muitas pessoas falarem que Manaus não tem o que conhecer ou nada para fazer, nosso objetivo é mostra que a muito o que conhecer em nossa cidade e por um custo muito baixo, infelizmente muitos prédios históricos não são abertos para visitações ao publico nos finais de semana como por exemplo o Teatro Chaminé, Palácio Rio Negro, Palácio da Justiça e Palácio Rio Branco e tristemente outros estão desativados como o Museu do Porto de Manaus que não tem previsão de voltar a funcionar.

Ou seja somente no centro de Manaus existem lugares para conhecer em pelo mesmos dois dias e que nos mesmo de Manaus não prestigiamos, alem do centro histórico existem vários outros lugares como praias, restaurantes, parques e muitos outros lugares.

O povo que não conhece a sua historia está condenado a repeti-la.

Abraços a todos. 

Compartilhar:
←  Anterior Proxima  → Inicio

Um comentário :

  1. Estou há pouco tempo e Manaus e aqui tem sim, muito o que se ver e o que fazer. Conheci o Teatro Amazonas, o Centro (e toda sua peculiaridade), o cais e por aí vai. E ainda tem muito mais.

    ResponderExcluir

Postagens populares

Tecnologia do Blogger.

Seguidores